Delson Douglas da Silva

Profissão: Ecrivão de Polícia do Estado de Goiás

O FATO

Depois de sacar R$ 5.000,00 em espécie na agência da Caixa Econômica Federal no centro do Gama, por volta das 12h do dia 12/08/2008, o policial civil Delson Douglas da Silva, 33 anos, escrivão da Delegacia de Formosa (GO), retornava para sua residência, na Quadra 49 do Setor Leste do Gama, quando dois homens em uma motocicleta atiraram contra ele, em frente a sua casa. Os tiros alvejaram o policial por três vezes, sendo dois tiros no braço e um que atingiu o abdômen.

O delegado plantonista da 14ª Delegacia de Polícia (Gama), Rafael Ferreira Bernardino, confirmou que os assaltantes estão foragidos e que saíram sem levar a quantia em dinheiro almejada. Após, o policial foi socorrido e encaminhado ao Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF), para onde foi levado de helicóptero pelo Corpo de Bombeiros. Cerca de cinco horas depois, Delson não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito.

De acordo com informações preliminares, os policiais civis da 14ª DP, responsáveis pelas investigações do crime, não tinham informações, ainda, sobre as identidades dos acusados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *