Operação After

A Delegacia de Polícia (DP) de Goiatuba, com apoio logístico e operacional das equipes policiais das cidades de Morrinhos, Pontalina e Buriti Alegre, deflagrou, nesta sexta-feira 7, a Operação After. A operação culminou na prisão de nove traficantes, dentre eles, quatro estudantes universitários.

As investigações começaram no início do ano e apontaram que jovens de classe média se dedicavam ao tráfico de drogas sintéticas, sobretudo de ecstasy e LSD, na cidade de Goiatuba e municípios vizinhos.

As drogas eram comercializadas com maior frequência nos eventos realizados na cidade, principalmente aqueles animados ao som de música eletrônica, como resenhas, raves e afters.

A partir da prisão em flagrante do investigado Ítalo Eduardo no mês de abril deste ano, identificaram-se diversos outros indivíduos com quem ele mantinha mercancia ilícita de entorpecentes em associação.

Ítalo era o responsável pela aquisição da droga em Goiânia e a repassava para outros traficantes revenderem em Goiatuba, bem como em municípios vizinhos, a exemplo de Buriti Alegre.

Diante dos elementos de prova, a Autoridade Policial representou pela prisão preventiva dos acusados junto ao Poder Judiciário que, acolhendo o parecer favorável do Ministério Público, ordenou o encarceramento preventivo dos investigados. Os presos foram recolhidos na unidade prisional de Goiatuba à disposição da Justiça.

Fonte/foto: PCGO



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *