Polícia Civil identifica autor de ameças proferidas, em rede social, contra deputada estadual Adriana Accorsi

No dia 18/11/2020, a Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC), recebeu notitia criminis por meio da qual a Deputada Estadual e Delegada da Polícia Civil Dra Adriana Accorsi informou que havia recebido mensagens de ameaças contra sua vida e de suas filhas. As mensagens teriam sido enviadas por usuário da rede social Instagram, por meio do Direct, no perfil de rede social da vítima.

Ela, que é Deputada Estadual e figurou em terceiro lugar no primeiro turno das eleições para Prefeitura de Goiânia, recebeu tais mensagens com muita preocupação, já que as mesmas expressavam demonstração de ódio político.

A DERCC então, por meio de diversas diligências, identificou o homem de 27 anos de idade, que é natural e morador de uma pequena cidade do Estado do Acre, e foi de lá que enviou as mensagens de ameaça. Com apoio da Polícia Civil do Acre, o investigado foi ouvido na delegacia da pequena cidade de Sena Madureira (AC), oportunidade na qual confessou a autoria do envio das mensagens e afirmou que nunca teria imaginado que pudesse ser identificado pela Polícia Civil.

Foi possível verificar ainda que, não obstante a aparente simplicidade e falta de instrução em que se apresenta o autor das ameaças, esse homem é envolvido em várias manifestações de ódio pela internet, em especial aquelas ligadas a opiniões políticas. Ele é apontado pela Polícia Civil como autor das mensagens e responderá pelo crime ameaça.

Fonte: PCGO



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *