RESULTADO DA ASSEMBLEIA CONJUNTA SOBRE PROMOÇÕES

A União Goiana dos Policiais Civis (UGOPOCI) informa aos seus associados e policiais civis em geral que a Assembleia Conjunta da ADPEGO, SINDEPOL, SINPOL e UGOPOCI, realizada no início da tarde desta quarta-feira (02/09/2020) no pátio interno das Delegacias Especializadas, no Setor Cidade Jardim, em Goiânia, DECIDIU pela aceitação da proposta em discussão com o Governo estadual referente à concessão das promoções do ano de 2019.

Durante a assembleia, os presidentes da UGOPOCI, José Virgílio Dias de Sousa, do Sinpol, Wânia Cristina Rodrigues de Araújo, e do Sindepol, Adriano Sousa Costa, atualizaram aos policiais  presentes detalhes da negociação em andamento desde a assembleia anterior, realizada no dia 14 de agosto.

NÃO É O QUE QUERÍAMOS, MAS FOI O QUE CONSEGUIMOS. Assim, nos termos apresentado pelo Governo estadual, para haver a concessão das promoções, QUE NÃO TERÃO EFEITO RETROATIVO COMO QUERIAM AS ENTIDADES DOS SERVIDORES, é preciso que haja um acordo na Justiça em que, além das entidades (sindicatos e associações), cada servidor que será beneficiado terá de fazer parte da ação (acordo judicial) declarando aceitação dos termos, procuração e renunciando a eventual ação judicial referente a direito retroativo.

Os servidores que estão na lista de promoção e que têm seus dados e e-mail atualizados na UGOPOCI devem verificar se já receberam uma mensagem da associação para que assinem um termo de ciência e concordância, bem como procuração, para que possam fazer parte da ação como litisconsorte. O associado que não aceitar o acordo, basta não assinar o termo de consentimento. Desta forma, caso queira, poderá, por conta própria, ajuizar ação judicial visando assegurar seus direitos.

“Precisamos reunir essa documentação o mais breve possível para apresentar à Procuradoria-Geral do Estado para os devidos encaminhamentos, homologação, e, aí sim, o decreto concedendo as promoções de 2019”, explica José Virgílio.

Confira algumas fotos da assembleia

    



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *